Ambiente

Dr. Paulo, obrigado por tudo!

por Izabella Teixeira, ex ministra do Meio Ambiente – 

Esta semana o Brasil perde um de seus mais importantes cidadãos, morre o dr. Paulo Nogueira Neto

Admirável não só como homem público. Admirável pela higidez de caráter e pela simplicidade no agir. Poucas vezes encontrei alguém tão generoso e caridoso. Tinha permanentemente uma preocupação com as desigualdades sociais e com os direitos dos excluídos.

Dedicou-se ao meio ambiente pelas suas convicções políticas e científicas e generosidade. Foi um grande chefe (o meu primeiro) e me acompanhou em todos os momentos da minha vida profissional. Ele e D. Lúcia sempre me acolheram em sua casa em Brasília quando eu ia ajudá-lo a fazer projetos de conservação da biodiversidade no Brasil. Ele saía pelo mundo buscando apoio para as áreas protegidas.

Incansável e de uma lealdade ímpar, foi de uma elegância única ao ser substituído na SEMA ao saber das manobras que levaram à sua exoneração (alguns ditos amigos tramaram isso. Testemunhei esse momento na presença de D. Zélia, sua chefe de gabinete. Lutou por um sistema de meio ambiente descentralizado e com a participação da sociedade. Um CONAMA deliberativo e com a sociedade (lembrando que tudo isso aconteceu depois de 1973 até 1985).

Hoje, as propostas que circulam são de um “CONAMINHA”, um apequenamento de um homem que lutou (com acertos e erros) por um Brasil inclusivo, mais justo, desenvolvido e com a sua Natureza protegida. Teve grandes amigos, como Rogerio Marinho, Israel Klabin, Henrique Brandão e Tom Lovejoy. Mais uma vez, tive o privilégio de estar em algumas das salas onde esses encontros aconteciam. Tive a honra e o presente da vida de ter convivido com ele, de te-lo como chefe, conselheiro e amigo. O Brasil fica mais triste hoje.

Obrigada por tudo, Dr. Paulo!

Assista o documentário dirigido por Ricardo Carvalho sob a coordenação de Maninha Barcellos.
https://web.facebook.com/envolverde/videos/399778470589391/

(#Envolverde)